FAQ 

TOP 10 PERGUNTAS FEITAS PELOS PACIENTES

A cirurgia plástica deixa cicatrizes?

Todo corte feito na pele provoca uma cicatriz. A plástica mesmo feita com as melhores técnicas, sempre deixará uma cicatriz, as quais são reduzidas e “escondidas” ao máximo pela habilidade do cirurgião. Porém a qualidade das cicatrizes depende principalmente de fatores individuais como a idade, raça e cor da pele, além dos cuidados pós-operatórios como evitar a exposição ao sol.

 

Devo operar onde achar o melhor preço?

Lembre-se de que você não está comprando um produto, como um aparelho de TV, por exemplo, onde basta procurar a loja com o menor preço. A cirurgia é um procedimento médico complexo, que envolve a experiência do cirurgião e sua equipe além da qualidade do hospital e dos materiais utilizados, tudo isto para conseguir o resultado esperado.
No caso da cirurgia plástica, o valor do procedimento cirúrgico não pode ser o fator mais importante na hora da escolha. Procure sempre realizar sua cirurgia onde tiver maior confiança.

 

O cigarro pode atrapalhar a cirurgia plástica?

 

Sim. O cigarro diminui a irrigação sanguínea em pequenos vasos da pele, prejudicando ou retardando a cicatrização. Deve-se suspender o tabagismo antes da cirurgia plástica. Na pior das hipóteses deve-se diminuir a quantidade de cigarros consumidos por dia.

 

Quais são os médicos aptos a realizar uma cirurgia plástica?

 

Você somente deve fazer este procedimento com médicos especialistas, que sejam membros da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.

 

Qual o risco de uma anestesia?

São raros hoje em dia os acidentes ou complicações de uma anestesia. Com medicamentos, instrumental e técnicas adequadas, o anestesiologista reduz a um mínimo os riscos anestésicos, mas é claro que eles nunca chegam a zero, uma vez que há fatores de risco imponderáveis, ligados não só à anestesia, como à própria operação. O seu médico anestesista sempre empregará todo seu conhecimento médico especializado, além de sua experiência clínica e perícia técnica para o sucesso completo da operação a que você estará se submetendo.

 

 

Quanto tempo após uma cirurgia plástica pode-se tomar sol?

Geralmente aguarda-se até 3 meses após a cirurgia, mas depende do local operado e das orientações do seu cirurgião. Lembre-se de usar protetor solar FPS 30, evitar exposição solar das 10 às 15 horas e se possível usar um método de barreira para proteção (chapéu, por exemplo)..

Por quanto tempo eu não poderei trabalhar?

 

O tempo para uma completa recuperação depende da cirurgia realizada. De modo geral o tempo mínimo é de 2 dias. Citamos os exemplos mais comuns.

Cirurgia da Pálpebras: É necessário um repouso por 24 horas em posição horizontal para evitar um inchaço das pálpebras. Com o uso de óculos escuros é possível andar em lugares públicos após 3 dias. Com a ajuda de maquiagem para disfarçar os hematomas, caso aparecerem, é possível passar desapercebida (o) após 7 dias.

Cirurgia da Face: É desconfortável aparecer em público até o 5-7 dia. Até 15 dias todo o inchaço desaparece.

Cirurgia dos Seios: A paciente torna-se independente no 2° dia após a operação. Os exercícios físicos só poderão ser realizados após 60 dias.

Lipoaspiração: A recuperação da lipoaspiração é bastante rápida e com o uso de cinta elástica o(a) paciente retorna a vida normal em 2-3 dias. O único problema é a presença eventual de equimoses ( manchas azuladas) que, às vezes, demoram 2 a 3 semanas para desaparecer.

Plástica de Abdome: O retorno ao trabalho pode levar até 10-15 dias.

Nariz: Na plástica de nariz é quase sempre necessário o uso de aquaplast® por 7 dias e isto dificulta o convívio em determinados ambientes de trabalho ou sociais.

 

Quais são os distúrbios de cicatrização? Toda cicatriz ruim é um quelóide?

Essa é uma confusão comum, nem toda cicatriz de má qualidade é um quelóide. Existe a cicatriz hipertrófica que é muito mais comum que o quelóide. Os distúrbios de cicatrização podem ocorrer em qualquer pessoa, mas são mais freqüentes em negros e orientais. O indivíduo que já desenvolveu quelóide em alguma região do corpo tem tendência a formar novos quelóides em outras cicatrizes posteriores. As cicatrizes hipertróficas não ultrapassam os limites da cicatriz inicial e podem tender à regressão. Já o quelóide pode ocasionar dor e coceiras, são avermelhadas ou de coloração violeta, ultrapassam os limites da cicatriz inicial, não regridem e as recidivas são freqüentes após o tratamento.
O tratamento mais específico para queloides é a ressecção intra-lesional da cicatriz e 10 seções de betaterapia no pós operatótio imediato (radioterapia local específica para cicatrizes).

 

Sentirei dor após a cirurgia?

Cada paciente tolera o período de pós-operatório de maneira diferente. Alguns apresentam dor enquanto outros queixam-se de desconforto. Entretanto analgésicos simples são suficientes para se obter um alívio importante. De maneira geral a cirurgia plástica estética não provoca dor e quando ocorre é de leve intensidade. Determinadas cirurgias, como a plástica abdominal, requerem um repouso da musculatura da região evitando-se exercícios ou movimentos bruscos exatamente para evitar a dor.

 

 

 

 

 

Quais os valores e condições de pagamento?

Em conformidade ao Código de Ética Médica os valores serão estabelecidos após a avaliação.

 

Condições de pagamento:

Temos parceria com diversas instituições financeiras visando atender as necessidades

dos nossos clientes, facilitando a realização de seu procedimento cirúrgico.

Crédito consignado*: Destinado a funcionários públicos na ativa, aposentados e pensionistas.

Financiamento bancário através de CDC*: Crédito Direto ao Consumidor, sendo parcelado com juros em até 36 cheques*.

Cartão de Crédito: Aceitamos cartões de crédito ligue e se informe sobre condições de pagamento. Entre em contato conosco através do telefone (21) 2464-5779 e agende uma avaliação, será um prazer atende-lo.

* Crédito sujeito à aprovação pela instituição financeira